A coluna cervical é formada por vértebras que são separadas pelos discos intervertebrais, discos estes que para além de amortecerem o impacto sobre as vértebras permitem a flexibilidade e a mobilidade da coluna cervical. Esta função dos discos faz com que estejam sujeitos a um desgaste acentuado com o decorrer do tempo.

Quando estes discos são danificados, o seu conteúdo pode deslocar-se comprimindo estruturas nervosas, originando assim aquilo a que designamos por hérnia discal.

Quais são as causas?
Os discos mais frequentemente atingidos são os discos entre as vértebras C5-C6 e C6-C7devendo-se este efeito ao “stress” mecânico aos quais estão sujeitos associados a outros fatores de fragilidade (desidratação dos discos, traumatismos, instabilidades,…)

Quais são os sinais e sintomas?
Frequentemente os doentes referem cefaleias occipitais (dores na nuca), dor interescapular (região localizada entre as omoplatas), cervicalgia (dor no pescoço) com início insidioso que agrava com o movimento da coluna cervical. Esta dor pode irradiar para o/os membros superiores, estar associada a alterações da sensibilidade e à diminuição de força nos membros superiores.

Como se diagnostica?
A primeira abordagem é feita na observação do doente percebendo as suas queixas e enquadrando-as num exame objetivo rigoroso. Após a suspeita clínica, o diagnóstico é confirmado por exames imagiológicos, nomeadamente por radiografias da coluna cervical (estáticas e dinâmicas), TAC e RMN da coluna cervical.

Como se trata?
A primeira linha de tratamento é conservadora, nomeadamente repouso, medicação e reabilitação. Aproximadamente 75% dos doentes melhoram da radiculopatia com esta abordagem.
Quando esta abordagem inicial falha, persistindo as queixas do doente, o passo seguinte é cirúrgico. Os vários tipos de cirurgia consistem, de uma maneira geral, em descompressão das estruturas nervosas atingidas de uma maneira isolada ou associadas a outros procedimentos, nomeadamente a prótese de disco ou a fusão intervertebral.

Texto Dr Pedro Carvalhais